Lean Manufacturing
Lean Manufacturing

Conceitualmente falando, o Lean Manufacturing é uma filosofia de gestão que busca reduzir desperdícios enquanto aumenta a produtividade e a qualidade.

O Lean Manufacturing surgiu no Japão, após a segunda guerra mundial, na empresa Toyota. Seu idealizador foi Taiichi Ohno, engenheiro da Toyota, que encabeçou as operações de manufatura de automóveis entre 1936 e 1950.

Inicialmente, muitas empresas enxergavam o Lean sendo apenas para a área de produção, mas hoje é aplicada a todas as dimensões dos negócios de uma organização.

Poucas empresas conseguem replicar o sucesso da Toyota, porque não é fácil implementar essa filosofia. Ela é muito simples e óbvia, mas exige uma mudança radical de mentalidade, valores e disciplina. Apenas a introdução de algumas ferramentas não significa, necessariamente, sucesso na implementação.

Existem 5 fundamentos principais do Lean, são eles:

Mentalidade – É fazer um processo simplificado, e um caminho mais curto. Fazer com que o processo seja mais enxuto, de um jeito simples e otimizado.

Balanceamento de Linha – Dentro de um processo, de compra, de produção etc. Existem etapas que estão diferentes umas das outras e precisamos alinhá-las. Não iremos conseguir alinhar 100%, porém podemos fazer continhas básicas e fazer a seguinte pergunta: Como era antes da melhoria e como está agora? O importante é gerar melhoria e maior faturamento.

Just in time – Significa “momento certo”, ou seja, produzir uma quantidade exata de um produto de acordo com a demanda.

Kanban – O Kanban é um método organizacional, é a base de sustentação do Just in Time, que visa aumentar a produtividade e otimizar a realização das tarefas e das entregas. O objetivo do uso do Kanban é fazer apenas o que é necessário, quando necessário e na quantidade necessária.

Análise de valor agregado (melhoria de fluxo) – Eliminar o que não agrega valor, veja as possibilidades de melhoria.

O Lean tem como principal objetivo redução de custos e desperdícios, em todos os âmbitos da empresa. Pode ser de um produto, de um processo, ou de uma linha de produção. Praticar o Lean é muito mais do que adotar um método de melhoria, e sim ter visão de melhoria contínua. É querer entregar o melhor, bem feito e dentro do prazo.

Para aperfeiçoar seus conhecimentos, faça nosso minicurso de Lean totalmente gratuito!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *